Virginia Costa

domingo, 18 de setembro de 2011

Weekend In Brasilia

A Bandeira Nacional, a Praça dos Três Poderes e o Congresso Nacional. Muito bonitos. Monumento de autoria de Sérgio Bernardes, o mastro mantém um exemplar especial da bandeira brasileira, com 286 metros quadrados de área, a cem metros de altura. Plantado na Praça dos Três Poderes, em Brasília, é formado por 24 hastes de aço, representando os estados brasileiros à época. Inaugurado em 1972, é considerado o maior do gênero no mundo, para bandeiras nacionais.
 A Torre de TV de Brasília é uma torre de transmissão televisiva construída em Brasília. Projetada por Lúcio Costa e inaugurada em 1967, tem 224 metros de altura e abriga no seu interior o Museu das Gemas. Possui um mirante panorâmico a 75 metros de altura com capacidade para 150 pessoas. Há duas atrações turísticas localizadas junto à sua base — uma tradicional feira de artesanato e a Praça das Fontes. À sua frente encontra-se a escultura "Era Espacial" de Alexandre Wakenwith.
Algumas imagens do que se vê para comprar na feira de artesanato. Eu adorei.
Acabei não resistindo as conhecidas flores secas do cerrado.
e aos jogos americanos de renda file.
...um vestidinho de renda de bilro para o batizado da minha neta.
O Palácio Alvorada, considerado um ícone da arquitetura moderna brasileira, fica às margens do lago Paranoá, tendo sido o primeiro edifício inaugurado em Brasília, em 30 de Junho de 1958, também foi projeto de Oscar Neimeyer. O formato diferenciado dos pilares externos da edificação deu origem ao símbolo e emblema da cidade, presente no brasão do Distrito Federal. Tal formato foi, inclusive, largamente copiado em construções populares em todo o país, o que o tornou eventualmente sinônimo de uma estética kitsch quando aplicado em outros contextos.
 Ele tem um espelho d’água e um enorme gramado verde o que dá uma falsa sensação de assecibilidade a casa do presidente que parece flutuar lá no fundo.No espelho d’água carpas nadam entre moedinhas jogadas pelos visitantes. 

A farda característica dos Dragões da Independência, que traz brilho e garbo para as atividades de cerimonial da Presidência, foi concebido pelo pintor francês Jean Baptiste Debret, durante a missão artística francesa no Brasil, em 1816. O fardamento homenageia a Imperatriz Maria Leopoldina, Arquiduquesa d' Áustria, e tem inspiração na tropa de Cavalaria de Dragões daquele Império. Originalmente metálico, o capacete é dourado e escamado, possui um dragão heráldico do brasão da Casa de Bragança, escorrendo farta crina por entre as asas abertas emolduradas. Atualmente, a cor do penacho obedece ao seguinte padrão: o branco, de uso exclusivo do Comandante do Regimento, o amarelo, para os oficiais, o vermelho, para os praças e o verde, para a Fanfarra.


A Ponte Juscelino Kubitschek  realmente me impressionou muito. Foi inaugurada em 2002. Com três arcos inspirados pelo movimento de uma pedra quicando sobre o espelho d'água, a obra se integra ao conceito de Brasília, aliando beleza e inovação. A forma estrutural adotada conta com três arcos que sustentam, por meio de estais de aço, três tabuleiros com vão de 240 metros cada um, sendo um desafio imposto pela arquitetura e vencido pelo engenharia, responsável pela obra, Via Dragados, José Celso Contigo. A ponte JK se assenta em um ponto muito privilegiado do Lago Paranoá. Recursos de monitoramento eletrônico são usados para avaliar a segurança da estrutura da ponte, por meio de 51 sensores acoplados aos 48 cabos de sustentação e três no topo dos arcos da ponte.

Curiosidades: - A quantidade de aço aplicada na Terceira Ponte é duas vezes maior que a utilizada na construção da Torre Eiffel, em paris (França). - O volume de concreto submerso (debaixo d'água ) é suficiente para construir três superquadras inteiras, com 2 mil apartamentos. - As máquinas de perfuração são do mesmo tipo que as utilizadas na construção da Ponte Rio - Niterói (Rio de Janeiro). - A ponte JK está localizada sobre uma falha geológica - retirados por onde corria o Rio Gama. O local conta com 13 diferentes tipos de solo e rochas. - Estacas de 60 metros de comprimentos foram colocadas debaixo d'água com ajuda de 12 mergulhadores profissionais, que desceram 48 metros de profundidade.
E aqui um exemplo de bela arquitetura nesta casa que tive a oportunidade de visitar por la. 
Em um  terreno de 5 mil metros2, a piscina se integra com leveza no jardim. A sauna pode ser acessada também por dentro d’água. A piscina tem ainda cachoeira e um "bar molhado". Mais completa, impossível, né
A arquiteta, proprietaria da casa, acompanhou pessoalmente todos os detalhes da construção que durou um ano e meio.
Em um canto do jardim, uma homenagem a sua padroeira numa pequena gruta toda forrada com quartzo rosa.

Apesar do clima extremamente seco, Brasília mesmo assim é uma cidade muito linda, da qual podemos no orgulhar. Procurem visita-la depois das chuvas quando os gramados ficam deslumbrantes. 

2 comentários:

Banda G TOM disse...

Muito interessante e elucidativo. Vc se supera a cada dia. Bjo.

Banda G TOM disse...

Brilhante!!