Virginia Costa

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Prof. Carlos von Schmidt

Quando qualquer pessoa importante se vai e eu vejo na TV toda a comoção, acho um exagero. Como boa taurina, penso cá comigo, como é que podem faltar ao emprego para prestar esta homenagem ao falecido que não tem a menor idéia de quem são?
Como sempre, paguei a língua.

Ontem o prof. Carlos Von Schmidt, “meu” curador, nos deixou. No meio artístico ele é um GRANDE homem e eu faço parte daquela multidão que insiste em prestar uma homenagem, dizer o quanto ele foi importante para elas em algum momento mesmo que ele nunca tenha tido noção disto.
Minha história com ele não é importante aqui e agora. Queria deixar registrado o enorme vazio que ele vai deixar, a falta que vai fazer para tantos artistas e para a arte em si. Sinto pela família dele e pela Sonia Skrosky, que teve o privilégio de conviver com sua genialidade por 35 anos.
Era “crítico de arte” no melhor sentido da palavra. Coisa assim de pai rígido mas também que te faz virar gente e que no fim você leva um puxão de orelha e ainda agradece.
Eu faço parte de um grupo, tenho certeza, que hoje está dizendo “Auf Wiedersehen” pra ele com muito pesar. Se, neste grupo, eu represento alguma coisa, foi graças a ele. Sinceramente, eu desabei. Minha tolerância anda "zero" no ítem perder gente querida. Egoísmo meu. Trabalhou tanto, produziu tanto, que ele tenha o merecido descanso! 

Um comentário:

Roberto Silva disse...

Olá Virginia, que boas lembranças trazem essas fotos. Realmente o Carlos von Schmidt irá fazer falta em nosso convívio... Ele foi rápido, silenciosamente partiu para um outro plano superior. Com certeza esta feliz. Viveu plenamente, morreu trabalhando, isso é algo incrivelmente espetacular...
Abs.